DÚVIDAS MAIS FREQUENTES

Falecimento em hospitais 

 1º passo: entre em contato com a central de atendimento   24 horas da Santa Casa Copacabana, através do telefone 0800-021-3460, onde você receberá todas as orientações necessárias.

 

Falecimento em residência

1º passo:  Procurar o médico que acompanhava o paciente para dar a declaração de óbito, caso não exista um médico que possa dar esta declaração, a família tem que se encaminhar à delegacia de polícia mais próxima de onde aconteceu o falecimento, e fazer a ocorrência policial e explicar como aconteceu o fato. A própria polícia se encarrega de acionar o rabecão do IML para fazer a remoção do corpo, do local do falecimento ao IML, que emitirá a declaração de óbito.

 

O que fazer com a declaração de óbito

Procurar a central de atendimento   24 horas da Santa Casa Copacabana, através do telefone 0800-021-3460, onde você receberá todas as orientações necessárias. Depois de escolhido o serviço funerário, a declaração de óbito deverá ficar com o agente funerário que irá ao cartório registrar “quando assim permitir” o óbito e remover o corpo tanto do hospital, como do IML e executar todo serviço de acordo com o combinado com a família. Caso a família tenha o desejo de sepultar seu ente querido em outro estado ou país, o procedimento é o mesmo, com poucas variações.

 

Caso a família queira cremar o corpo  

Deverá colher a assinatura de dois médicos de qualquer especialidade ou a assinatura de um médico legista. Atenção, em caso de morte violenta (assassinato, atropelamento, acidente ou morte com causas desconhecidas) só será possível a cremação com autorização judicial. Importante: caso a pessoa falecida não estiver com documento registrado em cartório alegando que gostaria de ser cremada, quem poderá autorizar esta cremação é um parente de primeiro grau (irmão, mãe, pai e esposa).